Diabetes relacionado ao início precoce da doença periodontal

 Uma nova pesquisa mostra que crianças com diabetes podem sofrer de problemas gengivais por volta dos 6 anos de idade. A relação entre diabetes e doença periodontal é bem conhecida. Entretanto, acreditava-se que a retração gengival se iniciasse mais tarde e progredisse com a idade.

Programas para prevenir e tratar as doenças periodontais deveriam ser considerados padrão, no tratamento para pacientes jovens com diabetes.

Diabetes, entre 6 e 18 anos de idade, foi avaliado clinicamente no estudo, junto com um grupo de controle, de 160 não diabéticos.As crianças com diabetes, apresentaram significativamente mais placa dentária e inflamação gengival, do que as crianças não diabéticas, e em uma idade muito menor do que se acreditava anteriormente ser a afetada. Sinais precoces de gengivite foram encontrados em quase 60% das crianças diabéticas com idade entre 6 e11 anos – que foi o dobro da porcentagem encontrada nas crianças não diabéticas da mesma faixa etária. Nas crianças entre 12 e 18 anos, quase 80% daquelas com diabetes apresentaram alterações periodontais precoces.

Se não for tratada, a gengivite poderia em alguns casos evoluir para periodontite, onde a inserção da gengiva e osso de suporte se afastam dos dentes, formando bolsas, que acumulam ainda mais placa bacteriana. A doença periodontal não tratada pode levar a perda do dente.

ADA – Associação Dental Americana

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.